Varicela Vs. Herpes Zoster

Varicela

O vírus da varicela-zoster é o causador da famosa Catapora e também o Cobreiro (Herpes Zoster). A herpes-zóster é uma doença oportunista. Pouca gente sabe, mas o mal é resultado da reativação do vírus varicela-zóster, e é bem mais grave do que as pequenas lesões provocadas pelo Herpes simplex, aquelas pequenas bolhas que afetam as mucosas na herpes mais comum. E é muito contagioso.

A Varicela é geralmente uma infecção da infância que começa com um pródromo de febre, dor de cabeça e mal-estar, seguido de uma erupção vesicular generalizada (bolhas).

Caracteriza-se pelo aparecimento de pápulas e vesículas pruriginosas que evoluem para pústulas e crostas. As lesões geralmente começam no rosto e no couro cabeludo, espalhando-se para baixo do tronco e extremidades.

Em crianças saudáveis, a varicela é auto-limitada e requer apenas tratamento sintomático, como antitérmicos e anti-histamínicos orais.

A terapia antiviral deve ser considerada para pacientes com idade superior a 12 anos, pacientes imunossuprimidos e aqueles com distúrbios da pele ou doença pulmonar crônica.

O herpes zóster é uma erupção vesicular dolorosa que geralmente ocorre em adultos. Depois de afetar um paciente no início da vida, o vírus da varicela-zoster está adormecido nas raízes nervosas da medula espinhal ou do crânio, até a reativação ocorrer.

A erupção cutânea é unilateral e limitada a um ou mais dermátomos adjacentes. O gerenciamento inclui tratamento sintomático e terapia antiviral.

Cuidados de Enfermagem com Pacientes Infectados pela Varicela e Herpes Zoster

– Não aplicar pomadas nos locais infectados;
– Não furar as vesículas e orientar o paciente a evitar o mesmo;
– Medicar conforme prescrição médica;
– Medicar o paciente se o mesmo apresentar desconfortos como prurido intenso, dores, ou em estado febril, conforme prescrição médica;
– Aferir sinais vitais e observar possíveis desconfortos;
– Manter ambiente seco e calmo.

Anúncios