Períodos Perioperatórios

Perioperatório

O Perioperatório é o termo usado para o período de tempo que vai desde que o cirurgião decide indicar a operação e comunica ao paciente até que este último retorne, depois da alta hospitalar, às atividades normais.

Este conceito vem ganhando importância em função da necessidade de avaliar o risco de complicações relacionadas às intervenções cirúrgicas. Os notáveis avanços na medicina e na cirurgia permitiram a realização de intervenções cirúrgicas em pacientes mais graves para os quais realizar uma operação era impensável.

As Fases do Perioperatório

1 – O pré-operatório que engloba a avaliação pré-operatória na qual é avaliado o risco de complicações frente ao estado de saúde do paciente.

Pode ser subdividido em:

  • Pré-operatório mediato (começa no momento da indicação da operação e termina 24 horas antes do seu início. Geralmente, nesse período o paciente ainda não se encontra internado);
  • Pré-operatório imediato (Esta fase compreende as 24 horas que antecedem a operação. De um modo geral, o paciente é admitido no hospital dentro desse período, com o objetivo de ser devidamente preparado para o ato cirúrgico).

2 – O intraoperatório que consiste na intervenção propriamente dita, realizada dentro do centro cirúrgico.

3 – O pós-operatório que compreende o período entre a saída do centro cirúrgico e o retorno do paciente às atividades normais. Muitas das complicações acontecem nesta fase e a vigilância da equipe de saúde deve ser tão mais intensa quanto maior o risco de complicações estimado na avaliação pré-operatória.

Podendo ser subdividido em:

  • Pós-operatório imediato (POI – É a fase que se inicia com o final da cirurgia e vai até as 24 horas subsequentes deste final);
  • Pós-operatório mediato (POM – É a fase que se inicia após as 24 horas da cirurgia e vai até a alta hospitalar do paciente);
  • Pós-operatório tardio (POT – É a fase que se inicia com a alta hospitalar e vai até a alta médica).
Anúncios