O que é uma Laparotomia?

A Laparotomia

A laparotomia vem do grego: láparos = abdômen; tomos = corte, ou seja, é a abertura cirúrgica da cavidade abdominal para fins diagnósticos e/ou terapêuticos. Em termos populares, é a cirurgia “de barriga aberta”. Ela não é uma prática recente, remontando à antiguidade, mas teve grande expansão no século XX, graças ao advento das drogas curarizantes, da intubação traqueal, do maior conhecimento da anatomia e fisiologia da parede abdominal e dos processos de cicatrização da ferida cirúrgica.

A Laparotomia diagnóstica Vs  A Laparotomia terapêutica

Em uma laparotomia diagnóstica, a natureza da doença é desconhecida, e a laparotomia é necessária para identificar a causa. Na laparotomia terapêutica, uma causa foi identificada (por exemplo úlcera péptica, câncer de cólon) e o procedimento é requerido para a sua terapia. Geralmente, somente a laparotomia diagnóstica consta como uma operação cirúrgica por si; quando uma operação específica é planeada, a laparotomia é considerada meramente a primeira etapa do procedimento.

Quais são os locais propensos a uma Laparotomia?

Dependendo do local da incisão, pode-se ter acesso a todo um órgão ou ao espaço abdominal, e é a primeira etapa em qualquer procedimento cirúrgico diagnóstico ou terapêutico destes órgãos, que incluem:

  • a porção inferior do tubo digestivo (o estômago, o duodeno, o jejuno, o íleo e o cólon)
  • o fígado, o pâncreas e o baço
  • a bexiga
  • os órgãos reprodutivos femininos ( útero e ovários)
  • o retroperitôneo (os rins, o aorta, linfonódos abdominais)

A incisão mais comum para o laparotomia é a incisão mediana, uma incisão vertical que segue a linha alba. A incisão mediana supraumbilical estende-se do processo do xifóide ao umbigo, uma incisão mediana infraumbilical vai do umbigo até a sínfise púbica. Uma única incisão que se estende do processo xifóide até a sínfise pubica é empregada às vezes, especialmente na cirurgia do trauma. É chamada de xifo-púbica.

As incisões medianas são favorecidas particularmente na laparotomia diagnóstica, porque permitem um amplo acesso à toda a cavidade abdominal. Outras incisões comuns para laparotomia incluem:

  • Incisão de Kocher (subcostal direita) (homenagem a Emil Theodor Kocher); própria para cirurgias no fígado, na vesícula biliar e na árvore biliar.
  • incisão de Davis no quadrante infeior direito (ou de Davis-Rockey-Rockey para apendicectomia);
  • Incisão de McBurney, e também no quadrante inferior direito para apendicectomia, porém obliqua, é mais usada que a de Davis;
  • Incisão de Pfannenstiel, um incisão transversal abaixo do umbigo e apenas 1 dedo acima da sínfise púbica, empregada mais freqüentemente para cesariana;
  • Lombotomia – consiste em uma incisão lombar que permite o acesso aos rins (que são órgãos retroperitoneais) sem entrar na cavidade peritoneal. É um acesso cirúrgico comum na cirurgia urológica.

Um procedimento relacionado é o laparoscopia, onde as câmeras e outros instrumentos são introduzidos na cavidade peritoneal através de pequenos furos no abdômen. Como exemplo, uma apendicectomia pode ser feita por uma laparotomia ou por um acesso laparoscópico.

Quais são os cuidados de Enfermagem no Pós Operatório de uma Laparotomia?

  • Realizar balanço hidroeletrolítico;
  • Realizar troca de curativos;
  • Atentar para sinais flogísticos e anotar;
  • Auxiliar o paciente na higiene corporal;
  • Administrar medicamentos prescritos pelo médico;
  • Monitorizar sinais vitais

Orientações de cuidados em âmbito domiciliar

  • Ensinar ao cliente como trocar a bandagem aplicada na incisão. Reforce a importância de ele comunicar quaisquer sinais de infecção da ferida ou hematoma.
  • Orientar ao cliente para esperar até o dia seguinte ao da laparoscopia para trocar a bandagem. Além disso, recomende que ele faça refeições leves depois da laparoscopia, a fim de reduzir quaisquer gases abdominais residuais.
  • Se o cliente tiver submetido a uma laparotomia, orientar para seguir as restrições prescritas às atividades.
  • Estimular o cliente a seguir as instruções para a alta relacionadas especificamente com o procedimento abdominal realizado e a comparecer às consultas médicas de acompanhamento.

Veja Mais:

Períodos Perioperatórios

Anúncios