Antidiurético: Desmopressina

DDAVP.png

A Desmopressina é um fármaco sintético que é análogo da vasopressina, que é um hormônio antidiurético, proveniente da sigla ADH (Em Inglês, AntiDiuretic Hormone).

Pode ser administrado através do nariz (spray nasal),  ou ser administrado em formas de comprimidos (oral ou sublingual), e intravenosa, ajudando a prevenir ou controlar a micção frequente, aumento da sede e perda de água associada a diabetes insipidus.

Também é usado para controlar a enurese, noctúria, e a micção frequente e sede aumentada associada com certos tipos de lesão cerebral ou cirurgia cerebral.

Entendendo sobre o Hormônio Antidiurético e a Ligação com a Diabetes Insipidus

O hormônio antidiurético, também denominado de ADH ou vasopressina, é produzido na glândula hipotálamo e secretado pela neuro-hipófise.

Atua sobre os rins, aumentando a retenção de água pelo corpo e a concentração de íons e, consequentemente, elevando a pressão arterial.

A deficiência de ADH leva ao quadro clínico conhecido como diabete insípida. Ocorrendo o contrário quando estimulada a sua produção, geralmente acometendo pessoas com insuficiências cardíacas, afetando os receptores hormonais super estimulados.

Essa síndrome é conhecida como secreção inadequada de ADH ou simplesmente de SIHAD (Síndrome de Secreção Inapropriada de Hormônio Antidiurético). Em raros casos pode também ser produzida por uma doença do hipotálamo, gerando um tumor.

Transtornos da coagulação

A desmopressina pode ser  também utilizada para promover a liberação do fator de Von Willebrand (e o consequente aumento do fator VIII secundário ao complexo vWF) em pacientes com transtornos da coagulação, tais como a doença de Von Willebrand, a hemofilia A leve (deficiência do fator VIII) e a trombocitopenia. O fármaco pode ser utilizado em pacientes com uremia induzida por disfunção plaquetária, mas não é eficaz no tratamento da hemofilia B (deficiência do fator IX) ou da hemofilia A grave.

Efeitos Colaterais

Os efeitos colaterais da desmopressina incluem:

– Cefaleia

– Rubor facial

– Náuseas

– Hiponatremia

– Convulsões

E os Efeitos Adversos incluem:

– Vasodilatação facial (face vermelha e quente)

– Retenção de água.

– Trombose arterial.

Cuidados de Enfermagem com Pacientes em uso de Desmopressina

O Principal cuidado e a atenção em especial deve ser dada ao risco de retenção de água.

A ingestão de líquido deve ser restrita à menor quantidade possível e o peso corpóreo deve ser observado regularmente.

Anúncios