A Anatomia de uma Cápsula Mole

A Anatomia de uma Cápsula Mole

A Cápsula Mole, ou também conhecido como Softgel, contém material feito de gelatina, onde protege as substâncias ativas dos medicamentos contra agentes externos desfavoráveis como a luz e o oxigênio, além de algumas vezes camuflar o sabor particularmente desagradável.

Qual é a diferença da Cápsula Mole para uma Cápsula Dura (aquelas que possuem duas cores distintas)?

As cápsulas moles são usadas principalmente para conter líquidos, enquanto as duras são usadas para conter o pó.

Mas nestas cápsulas, o invólucro é constituído pelos mesmos componentes básicos que são utilizados na produção das cápsulas duras, embora as proporções sejam diferentes. Apresentam maior quantidade relativa de glicerina, em detrimento da gelatina, o que confere maior flexibilidade à cápsula. O invólucro é mais espesso, e é formado, enchido e fechado durante um único ciclo de fabricação.

O conteúdo é líquido ou pastoso, e de natureza oleosa para evitar que o invólucro seja dissolvido.

Quem inventou esta tecnologia?

Foi inventado este método de tecnologia em 1933, pelo Dr.  Robert Pauli Scherer.

Anúncios